quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Momento


Não li uma linha
nem escrevi uma frase
mas tive um poema nos meus braços
e declamei-o com toda a força do meu silêncio
não fosse alguém quebrar-me o encantamento.
Enviar um comentário